sábado, 22 de setembro de 2012

A estrela mais distante da Terra já observada pelos Astrônomos e qual a maior estrela já encontrada

Maior estrela: O conceito de "tamanho" de uma estrela pode ser interpretado em termos da sua massa ou em termos do seu raio. Uma estrela com uma massa muito grande não necessariamente tem um raio muito grande! Além disso, é muito importante enfatizar que a determinação de parâmetros estelares (massa, raio, temperatura, etc) depende muito da abordagem teórica adotada na sua análise. Por isso, é sempre difícil falar em termos absolutos sobre valores extremos. Mas, existem boas candidatas... Em termos de massa, talvez a maior estrela conhecida seja a estrela "Pistol", que deve ter uma massa mais de 100 vezes maior do que a massa so Sol. Esta estrela encontra-se na direção do centro da nossa Galáxia, a Via Láctea. Outra forte candidata é a estrela "Eta Carinae" com aproximadamente 100 vezes a massa solar. Em 1999, astrônomos observaram uma estrela com massa igual a 190 vezes a massa do Sol. Essa estrela não tem nome próprio, ela é conhecida apenas pelo seu nome em um catálogo de estrelas (HD 269810) e está localizada na Grande Nuvem de Magalhães, uma galáxia satélite da Via Láctea. Em termos de raio, existem duas candidatas a "maior estrela". A primeira é a estrela Épsilon Aurigae, com um diâmetro estimado em quase 4 bilhões de quilômetros. Se esta estrela estivesse no lugar do nosso Sol, ela preencheria o espaço até a órbita de Saturno (estes números, porém, são um pouco controversos). Outra estrela que está entre as maiores estrelas conhecidas chama-se "R Doradus", uma estrela do tipo gigante vermelha localizada na constelação de Dourado. Estima-se que o diâmetro de R Doradus seja de 250 milhões de km (o diâmetro do Sol é de 1 400 000 km). Se R Doradus estivesse no lugar do Sol, a sua atmosfera se estenderia além da órbita de Marte. Estrela mais distante: A estrela mais distante, ainda na nossa Galáxia, deve ocupar uma posição diametralmente oposta à posição do Sol na Galáxia, a uma distância de quase 100.000 anos-luz de nós. Fora da nossa galáxia, apenas as estrelas muito brilhantes podem ser identificadas como estrelas individuais; caso contrário, as estrelas em outras galáxias são observadas como parte da mancha difusa que representa a galáxia. Mesmo em galáxias vizinhas, como a grande e a pequena nuvens de Magalhães (distância=180.000 anos-luz) e Andrômeda (2.9 milhões de anos-luz), as estrelas que podem ser observadas individualmente são, em geral, estrelas gigantes, 100 vezes mais luminosas do que o nosso Sol. Com o telescópio espacial Hubble, é possivel observar estrelas individuais em galáxias mais distantes: a estrela mais distante observada até o momento chama-se V12 e localiza-se na Galáxia NGC 4203, a 10.4 milhões de anos-luz de nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário